Confira as causas de inchaço nas pernas.




Confira algumas causas de inchaço nos membros inferiores:







Varizes

As veias doentes prejudicam a circulação de retorno

São veias que estão incompetentes, que não permitem que o sangue retorne da perna. A pessoa vai acumular líquidos, porque o sangue não está voltando adequadamente”

O inchaço vem acompanhado de sensação de cansaço nas pernas que pioram ao final do dia. O início é gradual e pode ser uni ou bilateral.


Linfedema

A famosa retenção de líquidos pode ser hereditária ou ser secundária a alguma doença ou mesmo procedimento cirúrgico. O inchaço é indolor e tem início gradual, como o inchaço decorrente de varizes e, se não tratado, evolui para deformidade permanente do membro. Pode ser uni ou bilateral. Nem sempre melhora ao acordar.



Viagens longas

O repouso prolongado prejudica a circulação de retorno, por falta da atuação do bombeamento muscular, causando inchaço ao final da viagem que regride com os membros elevados. Costuma ser bilateral e simétrico.


Trombose

A obstrução por coágulo de veias profundas também prejudica a circulação de retorno, causando inchaço nos tornozelos e pés. Seu início é súbito e pode vir acompanhado de dor intensa na perna acometida ou na virilha e empastamento do músculo da panturrilha. Costuma ser unilateral ou assimétrico.


Doenças cardíacas

A perda de bombeamento cardíaco leva a um acúmulo de líquido nos tornozelos e pés, de forma simétrica. Geralmente piora o final do dia e melhora ao acordar.


Doença renal

A perda da função do rim leva ao acúmulo de líquido no corpo que tende a se acumular nos membros inferiores durante o dia. Pela manhã, pode ser percebido inchaço na face e nos braços.


Hipotiroidismo

O inchaço nos membros e sensação de inchaço no corpo todo, associado a cansaço, sonolência e aumento de peso podem ser caudados por doenças da tireoide.


Desnutrição

A redução de proteínas dentro dos vasos sanguíneos causa edema que, além dos membros inferiores, afeta também o tronco, face e membros superiores. Comum em situações de pós cirurgia de grande porte ou pós internação prolongada na uti.



Medicamentos
  • Bloqueadores de canais de cálcio (anlodipino, nifedipina)

  • Clonidina

  • Hidralazina

  • Minoxidil

  • Betabloqueadores (propranolol, atenolol)

  • Corticoesteroides

  • Estrógenos (ACO)

  • Progestágenos







Dra Karolina Frauzino é médica Cirurgiã Vascular, membro da Sociedade Brasileira de Angiologia e Cirurgia Vascular com Título de Especialista em cirurgia vascular pela SBACV.

Acompanhe-nos nas redes sociais:

  • Black Facebook Icon
  • Black Instagram Icon

© 2018 por Angius

Horário de Funcionamento

Seg - Sex: 08:00 - 18:00

Endereço:

SHIS QI 9, Conjunto 18, Sala 307. Centro Clínico do Lago. Lago Sul, Brasília-DF

 

Mapa:

 

  • angiologista em brasilia df

  • angiologista trombose brasília df

  • tratamento de varizes brasilia df

  • "Angiologista DF"

  • angiologista sulamérica DF